Porque dar atenção especial aos cascos dos equinos?1 min de leitura

Os cascos dos equinos, principalmente dos atletas, são a parte do corpo que mais sofrem desgastes em virtude das atividades de alto impacto que exercem, além do contato com locais inadequados, que ofereçam muitas vezes riscos ao animal.

Por isso, devem estar sempre bem conservados e cuidados, passando por inspeção e manutenção periódica. Assim, um dos problemas em que os proprietários destes animais mais se deparam é, sem dúvida, cascos deteriorados pela umidade, que não pode jamais ultrapassar o nível externo de 20%. Já a camada interna suporta até 45% de umidade. 

Se passar disso, é comum o animal perder desempenho, apresentar claudicação e outras doenças. Desta forma, se não for tomadas as devidas providencias, estes membros podem se deteriorar, causando sérios prejuízos a saúde do animal.

É também muito importante que estes animais não fiquem muito tempo em áreas alagadas durante a pastagem. Já nos estábulos é essencial que sejam sempre higienizados, com o intuito de remover fezes e urina do chão, o que também representa um fator de umidade.

É preciso ainda atenção ao possível vazamento de torneiras, recipientes de águas, o que também pode contribuir para o amolecimento e podridão dos cascos.

Fonte: Vedovati

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Departamentos