Série: Cavalos e Suas Origens – Cavalo Árabe

O cavalo árabe (em árabe: الحصان العربي; ḥiṣān ʿarabī), também chamado Puro-sangue árabe, é uma raça equina originada na Península Arábica. Com um peculiar formato do crânio e da cauda, o cavalo árabe é uma das mais facilmente identificáveis raças de cavalo do mundo. O árabe também é uma das mais antigas raças equinas, com evidências arqueológicas que remontam a cerca de 2500 a.C. 

O cavalo árabe se difundiu pelo mundo mediante a guerra e o comércio. Sendo usado para melhorar outras raças, dando-lhes mais velocidade, refinamento, resistência e estrutura óssea. Atualmente, as linhagens árabes são encontradas em quase todas as raças modernas de cavalos de montaria. Os cavalos árabes são particularmente usados em esportes equestres olímpicos, nos quais apresenta desempenho superior se comparado a outras raças.

Características

O cavalo árabe é rapidamente identificado pela sua cabeça delicada, com seu perfil côncavo, olhos expressivos, orelhas pequenas e focinho curto. É necessário ressaltar uma característica marcante dessa raça,ou seja,o pescoço e o seu porte: sinuoso e arqueado, chamado de cisne, e o cavalo o torna mais expressivo, elevando a cabeça. Por fim, outro aspecto que se destaca é sua garupa, pois é praticamente reta e o rabo, com inserção alta, é levantado pelo animal, como que desfraldando a cauda.

Esportes

Por ter grande resistência e possuir capacidade de galope o cavalo árabe é utilizado em corridas que ocorrem em desertos.Um exemplo desse esporte acontece no deserto da Jordânia. Onde são 120 km para serem percorridos, aliás, cavalgados no deserto de Wadi Rum, sul da Jordânia, no International Endurance Race.Essa competição reúne cavaleiros do Oriente Médio que buscam o mesmo objetivo.

Fonte: Giro Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Departamentos